Importação da China: O que colocar na EMBALAGEM do Produto Importado

Tempo de leitura: 4 minutos

Importação da China
Importação da China

A importação da China é um ótimo exemplo para explicar o que colocar na embalagem do produto importado.

A embalagem de um produto é como a roupa de uma pessoa, se você usar bem, ficará mais atraente e todos verão. O mesmo vale para itens bem embalados.

A embalagem do produto não pode ter apenas cores vivas e o nome do item. É necessário ter as informações obrigatórias impostas pelo governo sobre as mercadorias a serem vendidas. Mas o que exatamente precisa ser descrito ou embalado?

Produtos importados conhecidos por serem apreendidos sem informações e requisitos exigidos pelo governo. A primeira informação importante que você deve fornecer na embalagem é informar em qual país o produto é fabricado, aqui podemos dar um exemplo de "made in China".

O prazo de validade, principalmente para produtos perecíveis, como alimentos, deve ter essa informação. Para produtos sem prazo de validade, deve ser incluída uma etiqueta de "validade indeterminada ou indeterminada".

Outra informação importante é incluir o importador do produto, o nome do importador designado para prestar o serviço e o CNPJ. O produto também precisa ter um código de identificação, aliás, uma boa dica é mantê-lo visível na caixa do produto, antes que a mercadoria saia da China, seria melhor.

Esta informação já deve constar na embalagem do produto. Se eles puderem sair da China com tudo, será mais rápido chegar ao porto da alfândega e não causará nenhum transtorno.

Se a quantidade de produtos for pequena, cerca de 500, 1.000 produtos, muitos fornecedores não querem se preocupar em adicionar esses dados na embalagem, pois o custo de impressão é alto e dá muito trabalho. Nesse caso, a saída é tentar convencer o fornecedor de alguma forma.

O código de barras é um dos principais itens que devem constar na embalagem, sem ele, os demais itens já descritos acima, a mercadoria não entrará no Brasil.

Procure produtos embalados nas lojas, tirando fotos se necessário para ver quais produtos precisam ser referenciados no mesmo produto. Este será um ponto importante para o sucesso da importação de revenda.

Importação da China

Qual é o maior obstáculo para importar produtos da China?

Vou te contar as maiores dificuldades para importar produtos da China.

Não, não estou falando de linguagem, embora seja um complicador, principalmente quando se trata diretamente de fabricantes fora das plataformas de anúncios. Mas na China não há problema em usar o inglês.

As dificuldades de comunicação que dificultam as negociações estão relacionadas a atrasos no tempo, na obtenção de uma resposta, na negociação, no recebimento de um pedido ou no envio de relatórios de andamento.

Estou dizendo que o chinês não é pontual? sem chance.

Não conheço gente mais trabalhadora que faça tudo "para ontem". Então qual é a dificuldade?

Quer saber quais são os obstáculos para importar produtos da China? Veja minha resposta abaixo.

A China estará sempre à frente dos demais

Isso não é exagero ou arrogância. Na verdade, a China sempre lidera. O maior obstáculo para importar da China é o fuso horário.

O país está um dia à frente do Brasil. Isso significa que quando você acorda às 7h, já são 20h para o gigante asiático.

Por que o fuso horário atrapalha a importação da China?

Importação da China
Importação da China

Isso atrapalha a comunicação. Você envia um e-mail para um fornecedor chinês à tarde e ele só responde à noite ou no dia seguinte.

No Brasil, é quase impossível conversar com clientes chineses à tarde, encontrá-los online e conversar.

Os chineses trabalham duro, mas até eles descansam.

Um descompasso no horário comercial entre os dois países atrasou as negociações, tornando o processo de importação de produtos da China mais demorado.

Mas se tudo tem uma solução. Nos tópicos a seguir, ofereço algumas sugestões para resolver problemas causados ​​por fusos horários entre países. acompanhamento.

Adaptar-se as rotinas da china

Se importar produtos da China é fundamental para o seu negócio, pode valer a pena considerar adaptar as operações diárias da sua empresa ao fuso horário chinês.https://app.manycontent.com/posts

Não estou falando de total conformidade com os fusos horários, mas sim de planejar uma estrutura de atendimento que possa interagir com fornecedores chineses pela manhã, das 7h às 12h ou à noite.

Sim, é possível conversar com alguns clientes chineses à noite até as 23h no Brasil. Portanto, o conselho é este: planeje se comunicar cedo ou trabalhe até tarde da noite.

Investimento em equipe local

Outra possibilidade de resolver problemas de fuso horário na China é contratar uma equipe para trabalhar localmente. Uma equipe para negociar e acompanhar o progresso diretamente para pedidos da China.

Ela será responsável por se comunicar com o Brasil no horário mais conveniente para a empresa.

Gostou deste conteúdo sobre importação de produtos da China? Então curta, compartilhe, avalie. Seu apoio faz a diferença.

Leia também: Dicas para o sucesso de pequenos e médios negócios

Clique para avaliar este post!
[Total: 0 Média: 0]