eSocial Doméstico: veja como registrar o reajuste do salário mínimo

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Você sabe como registrar o reajuste do salário mínimo no eSocial? Acompanhe o nosso artigo e descubra conosco!

Por meio da Medida Provisória nº 1.021/20, do dia 30 de dezembro de 2020, o salário mínimo foi reajustado para R$ 1.100,00. O valor passou a valer a partir do dia 1º de janeiro de 2021 e traz consigo algumas dúvidas.

Sendo que as principais delas se referem à registrar o reajuste do salário mínimo no eSocial. Será que o processo é feito de forma automática ou é o empregador que deverá fazer o registro ?

A fim de proporcionar respostas para os questionamentos acima e outros que possam surgir sobre a relação entre o reajuste do salário mínimo 2021 e o eSocial, nós preparamos este artigo!

Aproveite também para ler o nosso artigo: Sua empresa cresceu? Saiba como migrar de MEI para ME de forma segura.

Devo registrar o reajuste do salário mínimo no eSocial?

Quando falamos no registro do reajuste do salário mínimo 2021 no eSocial, é necessário abordar dois contextos diferentes.

O primeiro deles são os empregados domésticos que, atualmente, recebem um salário mínimo. Com isso, o contrato alterado deverá ser alterado no eSocial contando o valor referente ao reajuste, que é de R$ 1.100,00.

Além disso, deve-se levar em consideração também os empregados que recebem um salário superior ao mínimo. Neste caso, o reajuste deve seguir o que for estipulado na carteira de trabalho entre o empregado e o seu empregador.

Ou seja, o reajuste pode acontecer em uma outra data, assim como também outro percentual, o que depende do que foi acordado entre as duas partes envolvidas.

Sendo assim, a fim de registrar o reajuste do salário mínimo no eSocial, é indispensável entender que o processo não é feito de forma automática e deve ser realizado antes de encerrar a folha do mês atual.

Portanto, acompanhe a seguir como você deve fazer o registro no eSocial e tire todas as suas dúvidas sobre o assunto.

Como registrar o reajuste do salário mínimo no eSocial?

No momento de registrar o reajuste do salário mínimo no eSocial, o usuário encontra três opções distintas para realizar o processo.

Deste modo, confira conosco quais são as opções encontradas dentro do eSocial para o registro do reajuste feito no salário mínimo para 2021.

Aproveite também para acompanhar o nosso artigo sobre: Você sabe como separar as finanças pessoais das finanças da empresa?

1. Assistente de reajuste salarial

A primeira opção encontrada para registrar o reajuste do salário mínimo no eSocial é utilizar o assistente de reajuste salarial.

Desta forma, o usuário encontra o link já na página principal do eSocial. Deve-se então acessar o menu “Acesso Rápido”.

Agora, é fundamental seguir os próximos passos, entendendo que a ferramenta é bastante simples e direta. Cabe ao usuário informar todos os dados solicitados para que o registro do reajuste seja feito de forma assertiva.

2. Solicitar o assistente virtual

Os usuários encontram também uma segunda opção, na qual eles pedem a realização do ajuste salarial ao assistente virtual.

Deste modo, o usuário deve acessar o ícone encontrado no canto inferior do eSocial. O próximo passo é solicitar “reajustar salário” ao assistente virtual. Assim, todo o processo será realizado dentro da própria conversa.

3. App do eSocial Doméstico

Uma última opção para registrar o reajuste do salário mínimo no eSocial é utilizando o aplicativo eSocial Doméstico.

Aqui, todo o processo é feito de forma prática e fácil. O aplicativo está disponível tanto para Android quanto para iOS. Dessa forma, os usuários poderão fazer o download de forma gratuita em seu smartphone.

Confira também o nosso artigo sobre o assunto: Pensando em abrir um comércio? Conheça as tendências do comércio varejista.

Como ficam as férias?

Por fim, é fundamental que os usuários tenham uma atenção especial ao período de férias dos empregados.

Dessa forma, em primeiro lugar, ele deve fazer o registro do reajuste do salário mínimo. Só então ele deve registrar as férias com os novos valores que serão considerados tanto no recibo como também na folha de pagamentos.

Portanto, ao registrar o reajuste do salário mínimo no eSocial, saiba que você pode contar com as nossas dicas.

Inclusive, é possível continuar acompanhando o nosso conteúdo! Basta seguir as nossas redes sociais e acessar o nosso blog! Frequentemente estamos disponibilizando um conteúdo novo para você e sua empresa!

 
Clique para avaliar este post!
[Total: 0 Média: 0]